Google+

Pelo cénico maciço central da Serra da Freita.

Arouca

Um trekking à descoberta dos segredos da Serra da Freita

Um dia a caminhar com a família Borealis. Um dia a explorar o Trilho do Maciço Central, na singular Serra da Freita. Um dos trilhos mais cénicos e inesquecíveis desta Serra mais conhecida como a Montanha Mágica.

borealis_12m12t12c-02_2016 (9).jpg

Começamos cedo, o dia sorriu, o sol quente acompanhou a nossa caminhada, o encanto e o aroma matinal traziam ar de reflexão.

Percorremos os planaltos de vegetação autóctone, os tapetes de tojo, urze e carqueija pintavam as montanhas vizinhas, as típicas vacas arouquesas usufruíam a riqueza das montanhas, uma atmosfera campestre que ainda hoje é trabalhada pelos habitantes destas freguesias, desde tempos muito remotos, à agricultura e à pastorícia. Um lugar cheio de cultura e tradição.

borealis_12m12t12c-02_2016 (11).jpg

Exploramos recantos onde se escondem os segredos da Antiguidade, passando por marcas evidentes de presença humana de há muitos anos atrás, as mamoas, um monumento megalítico tumular colectivo, Portela da Anta e as vias romanas.

A atividade geológica é evidente neste percurso, contemplamos o espetacular fenômeno das pedras boroas e das pedras parideiras esculpidas por uma meteorologia intensa.

Esta Serra Mágica é um lugar onde os riachos rasgam as montanhas criando quedas de água incontáveis.

Terminamos esta aventura com as águas do Rio Caima a alimentar a grandiosa Cascata da Frecha da Mizarela.

As águas desta escarpa singular cantam ao baterem nos granitos das montanhas, uma arte inexprimível da natureza.

468 ad